Personas, no mundo da Tecnologia da Informação. Isto pode ajudar?

Olá!

Resolvemos falar sobre Personas no Webinar de Introdução a personas ocorrido no dia 13/02/2020 as 20:01 (horário de Brasília).

A partir de agora, queremos aproveitar os insights, discussões e comentários gerados durante os Webinars ou minicursos online, ao vivo e gratuitos, e com isso criar posts ou outros conteúdos. Chamamos isto de Insights do Webinar.

Resumo deste post

  • Introdução a personas
  • Um projeto de TI que quase deu errado
  • Exemplo com personas do Uber
  • Dicas de livros

A ideia inicial era falar sobre personas, e como esta ferramenta pode nos ajudar em nossos projetos de tecnologia da informação.

O que são personas?

“Persona é a representação fictícia do cliente ideal de um negócio. Ela é baseada em dados reais sobre comportamento e características demográficas dos clientes, assim como suas histórias pessoais, motivações, objetivos, desafios e preocupações.”

Definição acima extraída deste post do blog da Resultados Digitais

Introducaoa_personas_Fevereiro_2020_v02-exemplos-personas-imagem

Exemplos de personas

Olhando, parece algo mais ligado a marketing ou empreendedorismo. É isto mesmo? Sim, o conceito de personas é muito utilizado no mundo do marketing (digital) e empreendedorismo. Mas será que não poderíamos aplicar em nossos projetos da área de T.I.? E foi com este pensamento que decidi fazer o Webinar.

Vou mostrar um cenário, onde a total falta de conhecimento do cliente/usuário final, quase nos causou o cancelamento de um contrato, foi por pouco.

E público alvo, é a mesma coisa que personas?

Introducaoa_personas_Fevereiro_2020_v02-diferenca-publico-alvo-personas-imagem


Um projeto de TI que quase deu errado – CASE REAL

Fomos contratados para desenvolver um software para montar um banco de dados de modelos de idades variadas para atender inúmeras demandas de agências de marketing: comerciais, eventos, figuração, etc.

Acontece que na época, eles tinham algumas milhares (4.235) de fotos que precisavam ser catalogadas inicialmente.

Estas fotos precisavam “ser imputadas” no sistema, e usar uma espécie de tags

Nosso contato: “O cara da informática que cuidava da rede desta empresa”

Funcionalidades identificadas na conversa “com a cara da informática”

  • Cadastrar modelo
  • Tipo do contrato
  • Agencias solicitantes
  • Solicitações das agências
  • Cadastro de Tags
  • Inputar fotos”
  • Pesquisar modelos por diversos filtros
  • Tipo do serviço (Figuração, comercial, rádio, job)

Passados 60 dias, fomos apresentar a primeira entrega relacionada ao “Inputar fotos”

Vamos aos problemas

1º. A pessoa que faria o trabalho ( imputar ) tinha zero domínio de informática (Windows, pastas, arquivos)

. E o encarregado deste processo, não tinha muitaS habilidades colaborativas

. A estrutura de TI era altamente precária

. Não sabíamos que a pasta onde estavam as fotos eram variáveis

. O trabalho seria feito por 3 pessoas simultaneamente, e o software somente funcionava com um único usuário

. Um dos computadores era Linux, e o sistema funcionava apenas em Windows

Introducaoa_personas_Fevereiro_2020_v02-case-real-o-que-tem-imagem

Veja abaixo como ficou, uma das personas criadas para o projeto em questão

Veja Introducaoa_personas_Fevereiro_2020_v02-persona-criada-imagem

 

Veja abaixo os problemas, relatados na utilização do software, na primeira entrega

Introducaoa_personas_Fevereiro_2020_v02-problemas-relatados-imagem

Ficou claro, que fomos para a primeira entrega, sem nenhum contato com o usuário final, sem conhecer sua estrutura de TI e quase totalmente “as cegas”.

Por quê a persona nos ajudou?

  • Nos fez entender melhor seu universo
  • Abriu uma possibilidade de diálogo para juntos, resolver o nosso problema
  • Utilização de habilidades de criação
  • Utilização de termos do seu dia a dia
  • Foi replicadora

De posse das informações acima, a gente redesenhou totalmente a aplicação.

Não sei se este exemplo ficou claro para você, mas vou apresentar um exercício que fizemos durante o Webinar de Introdução as personas.


Exemplo com personas do Uber

Quem vive nos grandes centros urbanos, sabe como o Uber revolucionou a mobilidade urbana.

O exercício que fizemos foi bem simples, mas muito didático e poderoso – a galera curtiu muito.

Com base nas informações das personas de motoristas do Uber abaixo, Quais funcionalidades você sugeriria para melhorar a experiência desta persona com o aplicativo?

Introducaoa_personas_Fevereiro_2020_v02-personas-motoristas-uber-imagem

Veja as sugestões dos participantes do Webinar (ao vivo) para o exercício acima

Persona Mirtes

“Viagens programadas (já que ela almoça todo dia em casa ela sempre vai para o mesmo destino)”

“configurar horário padrão para encerrar as viagens da manhã a fim de retornar para casa, direcionando viagens ao seu destino”

“opção de botão de pânico com aviso de um familiar. preocupada com segurança”

Persona Marcela

“Para Marcela, tem uma opção onde o Uber já chegue com alguma refeição”

“Pra Marcela, escolher a programação do rádio do carro antes de embarcar (detesta musica sertaneja).”

Estes foram apenas algumas sugestões que resolvi compartilhar, para ficar claro, o quão importante é você conhecer bem sua persona para criar funcionalidades que impactem a vida dos usuários no dia a dia.

E você, ainda vai criar produtos digitais sem conhecer a sua persona?


Dicas de livros

Introducaoa_personas_Fevereiro_2020_v02-dicas-de-livros-imagem

Espero que tenha ficado claro!

Um grande abraço

Fernandes Lima

 

 

 

 

 

 

Softwares, impactam vidas!

Olá!

Incrível, como somos dependentes dos softwares, e como estes, tornaram-se assunto de boteco, happy hour e do dia a dia entre pessoas comuns, e não somente profissionais da área de Tecnologia. As pessoas podem comentar sobre o seu dia de trabalho, e quando percebemos, tem uma pontinha de software ali… Pode ser uma visão meio nerd? Talvez! #UmDiaQueroSerNerd

Trechos de um bate papo, ocorrido entre eu(Fernandes) e a uma motorista do Uber .

“Eles poderiam liberar logo a funcionalidade, pois nos ajudaria muito em nosso trabalho”

Por quê acha isso?

“Eu saberia desde quando o usuário está na plataforma”

Verdade…

“Hoje, eu configurei a forma de pagamento mais restrita, quero medir o volume de corridas”.

Não sabia que isto era possível. Este recurso é novo?

“Não, faz tempo, eu utilizo muito quando trabalho até mais tarde”

Realmente, é muito mais que uma simples funcionalidade, é sim, uma proteção extra para sua integridade física

“Eu, só fico com medo quando tem atualização do aplicativo, percebi que algumas coisas podem mudar ou PARAR de funcionar. Isto complica nossa vida”

Software, funcionalidades, requisitos, deixaram de ser papo de T.I., projeto e área de negócios…

Softwares, impactam vidas!

Quando a gente entender isto, iremos nos preocupar VERDADEIRAMENTE com as entregas.

Seu projeto também é assim!

#VidaRealAlemDoPostIt

#FernandesLima

#PrototipandoRequisitos

Vem aí um e-book: Por que prototipar requisitos de softwares?

Olá!

Tenho me deparado com o desafio de extrair as REAIS necessidades dos clientes e usuário final de forma ágil e leve, com o objetivo de coletar requisitos e construir um produto digital(software).

Tentamos as mais variadas abordagens e técnicas, mas uma que tem sido de grande valor é a prototipagem de baixa fidelidade diretamente com o usuário final (do seu software).

As demandas cada vez mais são “para ontem”, fruto do dinamismo dos negócios, competição acirrada e desejo dos clientes(dos clientes), enfim, uma infinidade de fatores.

Prototipagem é a solução bala de prata? Claro que não, mas é um ótimo ponto de partida que pode ser complementada com diversas outras abordagens.

Mas mesmo assim, tem muitas pessoas que rejeitam a prototipagem como ferramenta para buscar o entendimento(ou descobrir melhor o problema).

Pensando nisso, vem aí – até o final do mês de Junho/2019 – um E-book GRATUITOPor que prototipar requisitos de softwares

Prototipar permite conectar pessoas, ambientes, processos e objetivos de forma simples e ágil com foco no problema

Enquanto ele não vem, veja algumas imagens do mesmo. Esperamos que gostem.

Observação: O domínio prototipandorequisitos.com.br não está disponível ainda – estamos trabalhando nisso!

Tem gente levando protótipos muito a sério… Veja isso: Startup Lilium apresenta protótipo de táxi áereo urbano

Abraços

Usuário final ganhando desconto para testar o produto – Isto ecziste?

Olá!

O Uber vai descontinuar o Uberpool e para substituir, lançará o Uber Juntos… Até aqui, tudo bem, mas a empresa, resolveu oferecer descontos para os usuários(passageiros) testarem(na vida real) a nova modalidade.

Qual foi a última vez que você ofereceu desconto para os seus usuários ? Lembra?  rs..rs

O ponto central para mim, é a empresa colocar o passageiro(usuário final do aplicativo) para testar o produto em condições reais e como incentivo ainda oferecer o desconto.

Além do desconto em si, que acaba chamando a atenção, o fato de envolver desta forma  o usuário final, acho fantástico. Não tem como saber, qual foi o envolvimento do usuário final na fase de concepção, ideação e a liberação dos primeiros releases desta funcionalidade.

“A companhia ainda ressalta que nos primeiros três meses, como incentivo para que os usuários testem o produto, as viagens terão valor até 50% inferior”

Quanto mais envolvermos o usuário final com o nosso produto, maior serão os ganhos, tais como:

  • Benefícios para o produto
  • Aprendizados sobre nosso usuário
  • Pontos a serem evoluídos
  • Interações do usuário com o produto em condições reais – vida real
  • Aumento do engajamento
  • Promoção da marca (se tudo der certo)

Esta ação merece ou não merece nossa atenção e no mínimo uma reflexão – novo tempos, meu amigo

#foconousuáriofinal

#mindsetcolaborativo

#leanstartup

UberUsuarioFinalAprovado

 

 

 

4 motivos para envolver o usuário final na concepção de produtos digitais

Olá!

Vamos começar explicando o que é um produto digital: Um software, seja ele uma app, aplicação desktop/web, embarcdo ou outra encanação qualquer.

E quem é o usuário final em nosso ponto de vista? O profissional que utiliza frequentemente o produto digital para:

  • Realizar alguma atividade que impacte (in)diretamente o cliente
  • Facilitar suas tarefas com o apoio do produto digital
  • Contribuir para tomada de decisão com base em informações extraídas deste produto digital
  • Otimizar sua rotina, liberando para atividades mais nobres
  • Outros

Veja os 4 motivos:

  1. Seu cliente é importante
  2. Engajamento do usuário final
  3. Construir/evoluir produtos melhores com foco nas reais necessidades
  4. Cliente satisfeito gera mais dividendos

Agora, vamos falar um pouco sobre cada um deles

1.Seu cliente é importante

Quando você através de um produto digital, realiza um bom atendimento, você esta respeitando e valorizando o seu cliente.

Pense no seguinte cenário:

Vamos supor que seu cliente, é uma operadora de telefonia, e o atendimento aos clientes do seu cliente é realizado via call center.  Neste local, você tem inúmeros atendentes que utilizam produtos digitais para responder dúvidas e fazer procedimentos para os clientes do seu cliente.

E se este produto digital, tivesse uma pane? Se ele fosse lento? Se ele fosse confuso…

Na pratica, isto significará que o produto digital, não levou em consideração as reais necessidades do seu cliente, ou melhor do atendente, logo o seu cliente não esta sendo importante.

2.Engajamento do usuário final

Você gosta de ser ouvido ou ignorado?

Ao ouvir o seu usuário, você estará de maneira muito simples, “dando voz a ele”.

Faz sentido ouvir este usuário final? Com total certeza, pois ele esta DIRETAMENTE envolvido no dia a dia do produto digital.

E com o engajamento, ele vai contribuir de maneira mais intensa com o produto digital. E o conhecimento que este profissional tem da operação? e do seu cliente? Vai ignorar este conteúdo?

3.Construir/evoluir produtos melhores com foco nas reais necessidades

Para construir/evoluir, a maneira mais simples é entender o dia dia da operação, fluxo de documentos, atividades, restrições…

Quem não ouviu falar de produtos que nunca foram utilizados por seus usuários?

Que são confusos?

Que não atendem minimamente as reais necessidades?

É uma forma barata e mais assertiva de construir, com proximidade com usuário final e trazendo ele para o seu time.

4.Cliente satisfeito gera dividendos

Vivemos num mundo onde o consumidor é rei, então tratá-lo bem, é nosso dever.

E quando este personagem esta satisfeito ele gera dividendos para todos:

  • a marca
  • a empresa
  • o produto
  • colaboradores

Cliente satisfeito, compra mais, indica seu produto e pode até tornar fã- do seu produto.

É fácil?

eBook-04 motivos para envolver o usuario final na concepcao de produtos digitais_Outubro_2018_v01

 

 

 

 

 

Editora Brasport com 45% de desconto para livros físicos até 17/09 – foi prorrogada!

Olá!

Semana maluca Brasport

Veja no site Brasport.com.br

Diversos títulos(físicos) na promoção até 17/09/2018(foi prorrogada) – corre e aproveita:

Scrum e Agile em Projetos – 2a. edição – Fábio Cruz

prolivro1

 

Gestão Ágil de Produtos – André Vidal

prolivro2

 

Gerenciamento Ágil de Projetos – 2a. edição – Vitor Massari

gerenciamento-agil-de-projetos-editora-brasport

 

Mapas Mentais – Germano Fenner

mapas-mentais-brasport

 

Agile Think Canvas – André Vidal

agile-think-canvas-brasport

 

E para quem gosta de ebook, também tem esta opção(porém sem desconto)

 

 

 

 

Na economia digital a experiência do usuário é o produto

Olá!

Nossos clientes e consumidores nunca tiveram tantas opções de serviços e produtos. Com isso, tornaram-se o centro das atenções.

Você cuida apenas do seu produto?

E os demais aspectos de toda experiência ?

Design centrado no cliente.

Empatia, nunca foi algo tão desejado.

Veja o artigo no portal Cio.com

Veja algumas modelos/ferramentas colaborativas que podem contribuir:

#FocoNoCliente

 

 

 

Feedback Canvas

Olá!

Você gosta de fornecer feedback?

E ouvir?

Esta ciente do trabalho que isto consome?

Procura aplicar?

Já ouviu falar da reunião de Retrospectiva do Scrum?

Veja um post sobre Feedback Canvas

E que tal um livro sobre o tema? Obrigado pelo Feedback

Vídeo(30 min) sobre o Feedback Canvas – Canal Mundo Compartilhado

Por um mundo com mais feedbacks(educados e cordiais!)

Vamos ajudar na melhoria das pessoas e do mundo.